main

BusinessMúsica

Música vs. Produtividade

by Karla Wunsch0

19-960x540.jpg

MusicaProdutividade1

Pode confessar: você anda menos produtivo do que gostaria. Inclusive existem grandes chances de você estar lendo esse texto no meio do expediente. Tudo bem, não precisa ir embora culpado, o nosso cérebro precisa de momentos de relaxamento. No entanto, se as suas distrações têm sido um sério problema para o seu trabalho, acho que é hora de encontrar uma solução, né? Acredite, ela existe, e se chama música. Mas tem que ser a música certa.

Segundo um estudo divulgado pelo New York Times, a música produz dopamina no cérebro, causando o mesmo efeito que acontece quando você come um doce incrível ou sente um cheiro bom.  Ou seja, música produz felicidade, e, quando você está mais feliz, trabalha melhor.  

Outro estudo interessante realizado no Reino Unido, constatou que o efeito da música na produtividade é cumulativo. Isso mesmo! Quanto mais você ouve música durante seu trabalho, mais produtivo você ficará!

 

MusicaProdutividade13

Mas, calma aí. Não basta ligar o rádio e achar que você vai virar um ninja da produtividade. Como você deve imaginar, cada estilo musical tem um efeito diferente no seu cérebro. Isso significa que a música deve ser escolhida de acordo com sua atividade ou então com o que você sente.

Aqui tem algumas dicas para você escolher o estilo musical ideal.

MusicaProdutividade10
Ok, mesmo sabendo o que é mais indicado para cada caso, ainda rola a dúvida: “tá, mas o que eu vou ouvir agora?” É aí que entra o Superplayer! Nós criamos uma série de novas playlists para aumentar sua produtividade. Seja para se concentrar, dar um boost na criatividade, ou (se você for como eu) reduzir a ansiedade. Basta escolher e dar play!

CONCENTRAÇÃO TOTAL

Se você é daquelas pessoas que está no meio de uma frase quando um movimento mínimo de alguém tira toda a sua atenção, escolha músicas que são capazes de silenciar o mundo ao redor. Faça o teste e ouça algumas das nossas playlists mais pauleiras, com ritmos do trance e dubstep:

DIMINUINDO A ANSIEDADE E O STRESS

A ansiedade é um sentimento de tensão por antecipação que atualmente, atinge 33% da população mundial. Se você não consegue se concentrar no trabalho e a cada cinco minutos pensa em seus problemas ou então confere suas redes sociais, prefira nossas playlists mais calminhas, com músicas que vão desacelerar suas batidas cardíacas, e baixar os níveis dos hormônios do stress. Comece o combate!

ATIVANDO A CRIATIVIDADE

Para trabalhos que exigem muita criatividade, escolha uma trilha de fundo que estimule seu cérebro – música clássica por exemplo é melhor para a memória e concentração do que o próprio silêncio. Outra função da música é ativar lembranças do que você viveu ou sentiu, um ótimo recurso para a criatividade.

Ah, e para deixar isso ainda mais fácil, tem mais uma novidade! Você já ouviu falar no Slack? É um chat corporativo que está em alta entre startups e agências de todo mundo. O aplicativo que já vale mais de US$ 1 bilhão, a partir de agora vai contar com nosso robô DJ, o Zak.

Se você faz parte de uma dessas empresas que usam o aplicativo, você vai poder conversar com o Zak e pedir uma sugestão de playlist para ouvir – por gênero, atividade ou artista. Tudo isso da mesma forma como você troca mensagens com os seus colegas.

Caso seja o administrador de um time no Slack, basta vir aqui nessa página para adicionar o Zak ao seu time. Se não, é só compartilhar o link com quem é. Com isso, você e todo seu time vão ganhar 3 meses de Superplayer Premium na faixa! Já pode correr.

Agora, que tal aproveitar nossas playlists e testar se o seu rendimento aumenta mesmo? Só preste atenção no volume para não estragar seus ouvidos ou se tornar o cara chato que só responde por gritos. Bom trabalho!

Extra! Para saber mais sobre música e produtividade:
Vida ansiosa
Are you doing all the wrong things to relieve stress?
Can noise help you concentrate?
Music moves brain to pay attention
The Power of Music To Reduce Stress

ArtistasBusinessComportamentoMúsica

Música como marketing de conteúdo

by Eduardo EGS0

boss-fight-stock-images-photos-free-band-rock-concert-people-music-960x638.jpg

Você provavelmente já ouviu muito esse termo: “marketing de conteúdo”. Mas o que é isso exatamente?

Marketing de conteúdo é uma técnica que consiste em criar, agregar e distribuir conteúdo relacionado a uma marca. O conteúdo precisa ser consistente o suficiente para atrair o público consumidor e levá-lo, então, para o consumo de algum produto ou serviço.

Em suma: criar e compartilhar conteúdo interessante é uma forma eficaz de prospectar e converter clientes potenciais em consumidores, e também de fidelizar aqueles que já são consumidores.


E nós podemos ajudar você a fazer isso com a música! Afinal, em se tratando de Brasil, nós somos um dos países mais conectados com a música. No quesito de identificação, por exemplo, só ficamos atrás da Colômbia.

A pesquisa FANS.PASSIONS.BRANDS, da Havas Sports & Entertainment foi realizada em maio de 2015 em 17 mercados: França, Espanha, Reino Unido, Alemanha, Itália, Portugal, Polônia, Rússia, África do Sul e Estados Unidos (com foco específico sobre a comunidade hispânica), México, Brasil, Colômbia, Chile, Argentina, China e Bélgica.

83% dos brasileiros entrevistados alegam ligar a música aos principais momentos de suas vidas, sejam eles para celebrar (92%), se animar (97%), acalmar-se (91%) ou se desligar dos problemas (96%).

Os resultados dessa pesquisa mostram, além do alto índice de identificação citado acima, que o brasileiro considera a música como uma ferramenta de pertencimento a comunidades. Inclusive, 83% dos brasileiros entrevistados alegam ligar a música aos principais momentos de suas vidas, sejam eles para celebrar (92%), se animar (97%), acalmar-se (91%) ou se desligar dos problemas (96%).

Pode-se perceber, portanto, que o consumo da música está diretamente atrelado a potencializar momentos da vida. Os resultados da pesquisa ainda apontam a evidência do crescimento da “Era Shuffle”, formada por um público que não está preso a um único estilo musical, mas sim disposto a conhecer e descobrir músicas novas que agreguem experiências musicais – área em que marcas podem atuar como facilitadoras.

VEJA QUEM JÁ APOSTOU NO SUPERPLAYER PARA POTENCIALIZAR A VIDA DE CONSUMIDORES.

Para que as marcas consigam impactar eficientemente as pessoas, é importante que as empresas entendam o motivo de se ouvir determinado tipo de música, bem como o que as pessoas sentem com determinada música. Para traçar o perfil dos participantes, a pesquisa usou um método de oito itens denominado “Lógicas do Envolvimento“. Eles são:

1. A Lógica do Entretenimento – desfrutar a experiência e atmosfera em geral:
2. A Lógica da Imersão – o desejo de se perder na emoção da música:
3. A Lógica da Conexão Social – o desejo de criar ou intensificar relacionamentos com outros fãs:
4. A Lógica da Identificação – a forte a associação da música aos antecedentes pessoais:
5. A Lógica da Defesa – debater e promover suas opiniões sobre gosto musical e outros assuntos relacionados à música:
6. A Lógica da Participação – participação virtual ou real em atividades relacionadas à música:
7. A Lógica da Maestria – interesse em aprender e entender os detalhes por trás da música:
8. A Lógica da Exploração – desejo de descobrir novas canções, gêneros, espaços de eventos e etc.

Você pode conferir a pesquisa da HAVAS no infográfico abaixo:

1music

banner-post-anuncie

via update or die

BusinessComportamento

O que a música pode fazer por você

by Eduardo EGS1

boss-fight-stock-photos-free-high-resolution-images-photography-women-woman-headphones-960x640.jpg

Música e marketing andam juntos desde sempre. Muitas vezes, um sustenta e apoia ao outro.

O fato é que a música é uma arte apropriada para construir expressão. É o formato ideal para dar significado a uma luta, para embalar multidões, para criar laços emocionais, para atingir consumidores com o sentimento apropriado. E é essa maleabilidade da música que permite com que ela diga muito sobre a personalidade de uma pessoa.

Então é possível também usar pesquisas científicas sobre música para melhorar a vida? Sim, é:

1. Estudos já provaram que a música tem poder de relaxar o corpo e a mente.

Até aí é bastante óbvio, mas o X da questão aqui é que há tipos de música que são boas para te fazer relaxar.

A pressão arterial dos participantes revelou que ouvir pop e jazz tem o mesmo efeito restaurador que o silêncio total. Mas aqueles que ouviram música clássica ou erudita relaxaram muito mais, em bem menos tempo, fazendo com que a pressão do sangue diminuísse mais.

2. Músicas nervosas (agressivas, pesadas) ajudam no desempenho.

A raiva tem poder de ajudar a focar em recompensas, aumentar a persistência, nos sentir mais seguros e otimistas para atingir objetivos. Quando participantes de uma pesquisa ouviram músicas agressivas enquanto jogavam videogame, eles tiveram uma pontuação melhor.

3. Música reduz sensação de dor.

Quando comparada com distrações visuais e silêncio, músicas favoritas mostraram ser mais efetivas para aumentar a tolerância e o controle relacionado a estímulos de dores em participantes de uma pesquisa. 

4. Música pode servir como cupido.

Um estudo apontou que mulheres ficaram mais propensas a dar o número delas após ouvir músicas românticas, se comparada com as que ouviram músicas neutras.

5. A trilha certa pode ajudar você no trabalho.

Uma pesquisa revelou que música barulhenta pode ajudar quem sofre com déficit de atenção. Já músicas com letras positivas podem te deixar mais prestativo e participativo.


6. Tocar música pode te fazer uma pessoa melhor.

Uma pesquisa acompanhou crianças de 8 anos em aulas de criação musical por três anos. O experimentou concluiu que as crianças que fizeram música juntas não só se divertiram, como também desenvolveram melhor a inteligência emocional.

Além disso, a Venezuela tornou obrigatória as aulas de música. O resultado desse esforço foi uma queda no índice de criminalidade, além de menos crianças terem deixado a escola.


Acima estão alguns poucos exemplos científicos de por que a música pode ajudar a melhorar a sua vida. Mas, claro, há diversos outros. Afinal, a música tem o poder de fazer você se sentir melhor. E só isso já é de grande ajuda!

Este post é baseado e contém partes traduzidas de outra publicação. Você pode conferir o original, em inglês, aqui.